Portal da Transparência Revista Advocatus Agenda da OAB









OAB-PG fiscaliza exercício ilegal da profissão e rapaz é levado para 13ªSDP
      OAB-PG fiscaliza exercício ilegal da profissão e rapaz é levado para 13ªSDP
A Comissão de Fiscalização e Ética da OAB-PG e representantes da Subseção de São José dos Pinhais contaram com o apoio da Polícia Militar, na tarde de hoje (28), para realizar uma ação no combate ao exercício ilegal da profissão da advocacia. Um rapaz de 29 anos, com escritório no Sabará, foi encaminhado até a 13ª SDP após ser flagrado trabalhando como advogado.

O representante da Comissão de Fiscalização e Ética da OAB-PG, Michael Dipp, contou que uma pessoa entrou em contato com a Subseção para averiguar se o rapaz, que até então se identificava como advogado, possuía inscrição junto à OAB, pois ele estaria no exterior fechando parceria com advogados para captação de clientes. ?Em consulta ao Cadastro Nacional de Advogados do Conselho Federal não constava a inscrição?, relatou.
A fiscalização aconteceu no horário em que a consulta foi marcada. O rapaz era estudante de Direito, tinha sala própria e trabalhava num escritório, onde dois advogados atuavam. Conforme foi levantado pela Comissão de Fiscalização de Ética da OAB-PG, o falso advogado se identificava em cartões como se fosse profissional da área, assim como em redes sociais e para clientes do escritório.
?Contratar uma pessoa que não é advogada ocasiona prejuízo não só para outros advogados, mas para a sociedade civil, que se torna uma vítima. Não existe responsabilidade sobre o trabalho contratado. Aproveitamos para pedir que todas as pessoas, que tiverem esse problema ou souberem de um caso como este, que procure a OAB?, destacou a presidente da OAB-PG em exercício, Rúbia Carla Goedert.
O rapaz foi encaminhado para a delegacia, onde foi feito boletim de ocorrência e instaurado inquérito policial para apuração dos crimes de falsidade ideológica e exercício ilegal da profissão. Ele prestou depoimento ao delegado de plantão e na sequencia liberado.
?A OAB do Paraná se uniu para fiscalizar a profissão e combater os falsos advogados. Temos feito um trabalho efetivo com apoio das subseções a pedido dos advogados, que querem valorizar a profissão?, enfatizou o presidente da Subseção de São José dos Pinhais, Jaiderson Rivarola.